A Câmara Municipal de Barra Mansa aprovou, em regime de urgência especial, na sessão de terça, 28, projeto de lei, de autoria do vereador Luiz Baptista de Barros, o Lula (PMDB), que torna obrigatória a realização do "Teste do Coraçãozinho" nos recém- nascidos em hospitais públicos e particulares do município.

O exame, que é indolor, deve ser realizado nos membros inferiores e superiores após 24 horas de vida. Ele é utilizado para medir os níveis de oxigênio no sangue, afim de detectar cardiopatias congênitas. Caso sejam detectados níveis menores de 95% de oxigênio, a investigação do problema deve ser aprofundada por meio de um ecocardiograma.

Segundo o vereador Lula, o "Teste do Coraçãozinho" é resultado da pesquisa de cientistas de Birmingham, publicado no jornal científico Lancet, onde 20 mil bebês foram submetidos ao teste e, deles, 195 apresentaram problemas cardíacos, 46 deles de caráter grave.

O autor explica que a Lei é importante devido ao número de bebês que, após alguns dias de vida, precisam voltar ao hospital com problemas que poderiam ser detectados no dia seguinte ao nascimento. Ele destaca também a importância do exame em bebês assintomáticos, já que nem sempre a cardiopatia em bebês apresenta sinais específicos.

- Nós vereadores temos sempre discussões acaloradas sobre a Saúde no nosso município, mas precisamos também criar leis que estimulem a prevenção, porque a preocupação com a Saúde deve começar na maternidade – afirmou Lula.

::: Sessões da Câmara

16 Out 202009:00AM -
Sessão
15 Out 202009:00AM -
Sessão
14 Out 202009:00AM -
Sessão

::: Contato

(24) 3322-2652
(24) 3322-3752