Vereador Wellington Pires assinou a proposta que foi elaborada pela jovem Letícia Almeida, de 16 anos.

A sessão da última terça-feira (20) da Câmara Municipal de Barra Mansa foi marcada pela aprovação do primeiro projeto de lei (nº 840/19) elaborado pela Câmara Jovem. O texto, assinado pelo vereador Wellington Pires, é de autoria da vereadora jovem Letícia Almeida, de 16 anos, que representou o Colégio Municipal Doutor Elvino Ferreira na primeira edição da Câmara Jovem, no ano passado. A proposta cria o projeto “Humaniza-se” nas escolas da rede pública municipal.

Para Wellington Pires, autor da lei que instituiu a Câmara Jovem, a votação oficial do projeto foi um ótimo resultado de todo trabalho realizado com os jovens no ano passado. “A Letícia foi uma dos 19 participantes da Câmara Jovem. Ela que pensou e escreveu a proposta, nós só auxiliamos no aprimoramento dos termos, mas a autoria é dela. Certamente isso me deixa muito satisfeito, pois mostra que estamos alcançando os objetivos”, destacou o vereador, ressaltando que apenas “emprestou” sua assinatura no projeto, seguindo os trâmites regimentais para votação da matéria.

Letícia compareceu à sessão para acompanhar de perto a votação. Acompanhada pela mãe Michelle Almeida, a vereadora jovem afirmou que não pensava na possibilidade do projeto entrar em vigor. “Eu fiquei muito feliz com a aprovação do projeto, pois vi que valeu a pena o esforço. Nunca imaginei que poderia de fato se tornar uma lei”, revelou.

A jovem propôs que escolas municipais realizem semestralmente o projeto “Humaniza-se” com debates temáticos envolvendo os alunos. Os objetivos, segundo ela, é despertar o censo crítico dos jovens; promover o respeito ao próximo; além de oferecer mais conhecimento por meio de discussões sobre temas sociais, culturais e econômicos.

::: Sessões da Câmara

12 Set 201907:00PM -
sessão
11 Set 201909:00AM -
Sessão
10 Set 201907:00PM -
Sessão

::: Contato

(24) 3322-2652
(24) 3322-3752